Página Inicial
| avançada |
Coimbra EditoraLivrarias AssociadasDestaquesComo Comprar  

Registe-se

Email   Password
Homepage

Secções Temáticas
   
100 ANOS DE ARBITRAGEM: OS CASOS ESSENCIAIS COMENTADOS

Autores: António Júdice Moreira, António Pedro Pinto Monteiro, Carla Góis Coelho, Carmen Baptista Rosa, Diogo Calado, Diogo Duarte Campos, Filipa Cansado Carvalho, Frederico Perry Vidal, Iñaki Carrera, João Ilhão Moreira, José Miguel Júdice, José Ricardo Gonçalves, Luis Castilho, Luis Pinto Monteiro, Manuel Cavaleiro Brandão, Manuel Lopes Rocha, Miguel Marques de Carvalho, Nuno Miguel Lourenço, Nuno Pimentel Gomes, Pacôme Ziegler, Pedro Caetano Nunes, Pedro Ferreira de Sousa, Pedro Metello de Nápoles, Pedro Vale Gonçalves, Rui Barroso de Moura, Rute Alves, Sara Estima Martins, Serena Cabrita Neto, Taís Issa De Fendi, Telma Pires de Lima, Tiago Duarte
Local de Edição: Coimbra
Editor: Coimbra Editora
Serie/Nº: PLMJ - 9
ISBN 978-972-32-2352-1
Editado em: Janeiro - 2016
456 págs.
0,61Kg
€ 39,22 € 35,30

(…) O livro que me honro de prefaciar é mais um exemplo de cidadania na vertente de formação e pedagogia na comunidade arbitral, comparável ao Congresso anual da CAC do CCIP ou aos encontros internacionais de Arbitragem de Coimbra, que alguns de PLMJ ajudaram a lançar e a manter.

O conhecimento detalhado e comentado de 27 decisões arbitrais seminais relativos a arbitragem é um contributo de PLMJ Arbitragem para o progresso do direito arbitral. Sem menosprezar o papel essencial da Academia na construção do direito, creio que ninguém discordará da minha tese de que são os Juízes (e árbitros) quem faz o direito.

A arbitragem em Portugal, apesar dos esforços de muitos na última década e que já puderam começar a mudar o paradigma, ainda é basicamente em língua portuguesa, sujeita ao direito português, infetada pela omnipresença conservadora do Código de Processo Civil, pouco especializada, pouco desenvolvida em tecnologia e gestão processual, muito formal e pouco business oriented. Esta obra vai por isso ajudar a modernizar-nos a todos.

31 advogados de PLMJ dedicaram muitas horas para estas tarefas altamente complexas e especializadas, havendo ainda alguns que não puderam contribuir.

(…) PLMJ Arbitragem já pode mobilizar mais de 30 advogados para arbitragens, como árbitros e como advogados. É uma instituição dentro de outra instituição. Esta obra demonstra que em dez anos se criou uma excecional equipa.

José Miguel Júdice


Clique na imagem seguinte para visualizar o índice completo da Obra



 

www.coimbraeditora.net
   
Powered by IBT Livraria Juridica. Todos os direitos reservados.