Página Inicial
| avançada |
Coimbra EditoraLivrarias AssociadasComo Comprar  

Registe-se

Email   Password
Homepage - Direito Civil

Secções Temáticas
   
O NOVO REGIME PROCESSUAL DO DESPEJO INCLUI O DECRETO-LEI N.º 1/2013, DE 7 DE JANEIRO E A PORTARIA N.º 9/2013, DE 10 DE JANEIRO

Autores: Rui Pinto
Local de Edição: Coimbra
Editor: Coimbra Editora
ISBN 978-972-32-2153-4
Editado em: Abril - 2013
188 págs.
Edição: 2.ª
0,28Kg
Não disponível

O Novo Regime do Arrendamento Urbano assistiu em 2012 a uma sensível reforma corporizada na Lei n.º 31/2012, de 14 de Agosto, em vigor desde 12 de Novembro passado. No plano adjetivo, veio-se, nomeadamente, modificar o regime das comunicações entre senhorio e inquilino, alterar o âmbito e os termos da execução imediata da sentença de despejo, restringir os incidentes de suspensão e diferimento da execução da mesma, e criar um Procedimento Especial de Despejo (PED) da competência de um novo Balcão Nacional do Arrendamento, espécie de injunção documental tendo por base os anteriores títulos executivos privados do art. 15.º, n.º 1 (que deixam de o ser).

Eis o que nos ocupou neste nosso trabalho, agora numa segunda edição. Corrigido e atualizado o seu teor, levou-se ainda em conta a legislação complementar, em especial o Decreto-Lei n.º 1/2013, de 7 de Janeiro e a Portaria n.º 9/2013, de 10 de Janeiro. Ao rigor da conceptualização e interpretação das normas procurámos mostrar o seu sentido alcance prático, muito dele já revelado jurisprudencialmente. Um novo regime processual de despejo mais rápido e mais caro do lado do exercício das garantias, eis o admirável (e pretenso) mundo novo da desocupação do locado em Portugal.


Clique na imagem seguinte para visualizar ou imprimir o índice completo da Obra


 

www.coimbraeditora.net
   
Powered by IBT Livraria Juridica. Todos os direitos reservados.